HOMENAGEANDO O 'REI' | Três vezes em que referenciaram 'Stephen King'!



    Desde as últimas encarnações, os filmes e séries anda recheado de referências à cultura popular. Um prato cheio para Capitão América nenhum pôr defeito. Diante dessa situação, resolvemos reunir aqui três vezes em que essas referências e inspirações tiveram como alvo um dos mais notáveis escritores de horror e ficção - o grande Stephen King. Stephen escreveu vários livros famosos que inspiraram filmes, como O Iluminado e Carrie, a Estranha, e também séries de TV, como  'Under The Dome'.


ATENÇÃO, AMIGUINHOS: Ao decorrer do texto podem ser esbofeteados por spoilers. Então, sintam-se avisados.



 1 - Episódio 'Terror à Noite' (SDMI - 2x10) vs. 'O Iluminado'

   As primeiras semelhanças começam logo no ambiente onde ambas as tramas se passam. A turma fica isolada numa biblioteca nas montanhas durante uma nevasca. No livro de King, uma família passa uma temporada num hotel também situado cenário parecido. Mas a referência mais gritante é na cena que Scooby encontra Salsicha na banheira:


Comparação entre o episódio citado e o filme 'O Iluminado' de 1980.
Nas duas cenas temos a mesma situação: o espelho acaba com a ilusão inicial.


2 - Episódio 'É do Mal, É Verde, É a Máquina Mistério' (WNSD - 1x05) vs. 'Christine, o Carro Assassino'

   Christine é um automóvel que parece criar vida e nutre um 'amor' pelo seu dono, algo tão doentio que a torna um carro assassino. O mesmo acontece no episódio de 'O Que Há de Novo, Scooby-Doo?'. Bem, não a parte do amor pelo dono, já que o furgão começa a atacar todos da turma quando, de repente, cria vontade própria. No caso da Mistério S/A, não há nada de sobrenatural por trás disso.


A cena superior é do filme de 1983.

3 - Episódio 'Por Onde Anda Afrodite?' (SDMI - 1X16) vs. 'Carrie, a Estranha'

   Amanda Smythe, a típica garota excluída por todos, se surpreende positivamente quando ganha a votação de rainha do baile, tudo estaria perfeito se...tudo isso não fosse um trote para humilhá-la na frente de toda a escola. Carrie White sofre com o mesmo problema. As duas buscam vingança, mas com armas diferentes: Amanda com o uso do seu soro do amor e Carrie, com seus poderes telecinéticos.

A cena acima é do filme de 1976.

Em breve muito mais referências! 



Compartilhar no Google Plus
    Blogger Comment

1 comentários:

  1. Poarr! ( desculpa pelo linguajar ;-; ) Nunca teria sacado se não fossem vocês!

    ResponderExcluir

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial