SCOOBY APOCALYPSE: Novas Declarações




Faltando menos de três semanas para o lançamento de ''Scooby Apocalypse'', a série de HQs que está agitando fãs internacionalmente, nós traduzimos mais uma entrevista contendo algumas declarações da equipe criativa, onde eles fazem esclarecimentos bem úteis e também contam um pouco de como tem sido o processo de desenvolvimento. Vocês podem encontrar a original no TV Guide, aqui. Aproveitem!




Vocês estão prontos para acompanhar ‘’Scooby-Doo’’ em pleno apocalipse? Porque os nossos queridos personagens clássicos são agora o centro de uma nova pareceria da Hanna-Barbera e da DC Comics. Desta vez, a Mistério S/A está se adequando a nada menos que o fim do mundo. A nova série de quadrinhos em desenvolvimento – intitulada ‘’Scooby Apocalypse’’ - será roteirizada por J.M. DeMatteis e Keith Giffen, com arte de Howard Porter; mas a ideia já havia começado muito antes deles. Ela se iniciou com os coeditores da DC Comics: Jim Lee e Dan Didio, que fizeram declarações sobre como atualizar os personagens e a mitologia destes. "Percebemos que não havia realmente uma história de origem para a Mistério S/A, ao menos não uma definitiva", disse Lee através de contato pelo telefone. "E se nós aprimorássemos esses personagens? Afinal, eles são enigmas de certa forma." “Haverá apenas uma grande exceção do que estamos acostumados: Dessa vez os monstros serão reais’’ - disse Giffen, acrescentando que as primeiras edições da HQ são sobre a reunião da turma.

A primeira parte do processo foi atualizar os personagens para uma nova geração aproveitar e se identificar melhor. Lee, um artista conhecido na área dos quadrinhos, fez esboços, em seguida, obteve notas técnicas de Giffen e Didio, então Porter acrescentou seu próprio toque original. "Porter os baseou um pouco mais na realidade", especificou Lee.

Na verdade, embora pareça que o processo criativo foi fácil, já que os membros da equipe criativa são todos fãs, ocasionalmente, alguns teriam entrado em embates por causa da aparência da Mistério S/A.

"Velma é minha favorita", disse Lee rindo. "Eu quis fazer algo um pouco mais tradicional, deixando-a com um jaleco branco.'' Mas quando Porter pôs as mãos sobre Velma, ele diminuiu o tamanho da personagem de forma significativa, e exagerou nos seus óculos. "Porter gostou da ideia de ela ser uma pessoa pequena", acrescentou Giffen.


Salsicha sofreu a reinvenção mais significativa, ele foi diretamente modernizado, o que não agradou alguns. "Sabíamos que isso causaria controversia", disse Lee. Observando que ao longo do tempo o visual de Salsicha tornou-se ultrapassado, a equipe adaptou-a com a cultura moderna. "Para todas essas pessoas dizendo que é horrível, eu digo 'Esperem!' É um estilo incomum, mas é preciso mostrar que Salsicha é visualmente diferente dos outros, e não parte da 'normalidade coletiva'." Lee acrescentou que mudanças de visual em personagens clássicos são parte integrante das tradições da DC Comics, tomando Batman por exemplo: Bruce Wayne nunca manteve o mesmo traje por mais de uma década, mas quando se trata da essência permanece o mesmo; Retornando à Salsicha: Eles estão apenas fazendo com que ele se adeque. Mesmo com a barba e os piercings, Salsicha ainda tem a sua ligação especial com Scooby-Doo - "ele é a alma do cachorro," Lee disse - e os quadrinhos clássicos de Scooby-Doo vão coexistir com essa versão apocalíptica. "Nós temos algo especial preparado para os velhos fãs". 
  
Lee e Giffen mantiveram relativo silêncio sobre a nova origem da turma, mas podemos dizer que acontece em algum ponto não especificado no futuro; os personagens seguirão suas funções originais (com alguns ajustes e surpresas); e a Máquina de Mistério aparecerá - embora não na primeira edição. Giffen declarou que por o universo, os personagens e elementos já conhecidos serem introduzidos logo nas primeiras edições, quase tudo no futuro do enredo será possível. "Qualquer tipo de monstro, qualquer tipo de horror e história", disse Giffen sobre como o enredo irá se desenvolver, acrescentando que Daphne - surpreendentemente - tem sido sua personagem favorita de adaptar. "No desenho, ela era a mulher na frente do grupo. Eu trabalhei um pouco numa história de fundo para ela e foi a que achei mais interessante." 

Outra coisa que despertou a curiosidade do público foi o estranho acessório que Scooby usa, de onde parecem sair bolhas de ''emoji''. " Scooby representa uma das primeiras tentativas de implantar a tecnologia nos cães, aumentando sua inteligência e possivelmente usando-os para fins militares ou outras atividades urbanas." , foi explicado. Mas Scooby tornou-se mais do que um mascote para os misteriosos chefes do laboratório, que mais tarde criarão cães direcionados ao ataque. Para se comunicar, Scooby usa um dispositivo inspirado no Periscope - aplicativo de streaming que permite aos espectadores ''lançar'' corações sobre o vídeo se gostarem do que estão vendo. Em Scooby, o dispositivo emite esses emoticons para que todos saibamos o que está acontecendo na misteriosa e amorosa mente canina. "Velma pode ver os emojis por causa de seus óculos," Giffen esclareceu ''assim como Salsicha, por causa das lentes de contato especiais que ele usa, mas nem todo mundo será capaz de entender o que Scooby está "dizendo propriamente". Segundo Lee, isso é o que fará a relação de Salsicha e Scooby mais especial. 
 

Lee também elogiou o novo design da Máquina de Mistério, do qual ele admitiu não conseguir dar conta sem Porter, de pensamento mais militar. Eles esperam que combinar os personagens clássicos de Scooby-Doo com um cenário realista dentro dos parâmetros da ficção científica seja um conjunto harmonioso.



 


E quanto ao futuro geral? Scooby Apocalypse é apenas uma das HQs relacionadas a Hanna-Barbera que a DC Comics está lançando, junto com Flintstones, Future Quest e Corrida Maluca. Será que um mega-crossover estaria a caminho? Por enquanto, Lee e Giffen não descartam totalmente a possibilidade. Lee salientou que a adaptação de Corrida Maluca também ocorrerá em um futuro pós-apocalíptico, e também inclui cães aperfeiçoados por tecnologia, portanto há uma brecha natural ali. Ou poderia haver uma "sequência'' onde Scooby está no mesmo universo de Corrida Maluca. Ele também acrescentou que cada franquia de Hanna-Barbera tem a sua própria ruiva, algo que poderia estimular os desenvolvedores a trabalhar em possíveis conexões.
Giffen demonstrou mais disposição para um crossover, mas por enquanto está concentrado apenas em fazer o melhor possível com Scooby Apocalypse . "Eu adoro os personagens", ele confessou.



Essa foi a entrevista, espero que os ansiosos tenham sido acalmados e os antes apáticos estejam agora dipostos a dar uma chance para essa inovadora iniciativa. Apenas refrescando memórias: A primeira edição de Scooby Apocalypse será lançada no dia 25 de maio nos Estados Unidos. Infelizmente não há previsão de lançamento no Brasil ainda, tudo depende de pressionarmos a Panini se virmos que o produto realmente vale a pena.  Por enquanto, vocês já podem conferir a prévia traduzida por nós, neste link.
























Compartilhar no Google Plus
    Blogger Comment

1 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial