O Que Achamos de "Scooby-Doo! A Origem do Mal"?

Lançada em setembro do ano passado, Scooby-Doo! A Origem do Mal tinha a proposta de trazer o melhor do desenho para o live-action, misturando personagens de diversos shows do Universo Hanna-Barbera, além de resgatar um pouco do tom mais sombrio visto em produções como Mistério S/A Ilha dos Zumbis, sempre lembradas e muito amadas por praticamente todos os fãs! Será que a websérie conseguiu agradar e fez jus a franquia Scooby-Doo? É o que analisaremos nesse post.

Obs: O post NÃO possui SPOILERS sobre a série, pode ler tranquilo! ^^

Elenco
Quando se fala em fazer uma adaptação live-action de um desenho, seja filme ou série animada, uma das primeiras coisas que vem à mente, e que costuma preocupar os fãs, é quanto ao elenco e o quão eles se parecem com os personagens animados. Claro, aparência não é tudo e a atuação também é importante, mas sempre há essa preocupação. Em Scooby-Doo! A Origem do Mal podemos dizer que todo o elenco foi muito bem escalado para seus papéis, e de fato deram um show em seus personagens. Carolina Class transmite toda a espontaneidade e irreverência da Daphne, Isabela Bernardo traz uma Velma doce, mas com um pouco daquele sarcasmo e humor que amamos na detetive, Elvis Xavier convence como Salsicha, inclusive em alguns momentos chega a parecer que o próprio comilão atrapalhado saiu direto das animações e aterrissou na série, e Lucas Costa traz um Fred líder e centrado nos mistérios, sem deixar de ser divertido e similar ao das animações. O resto do elenco também não deixa a desejar, todos estão incríveis em seus papéis!


Ah, e claro, não poderíamos deixar de falar dele! Em todos esses anos o Scooby-Doo sempre foi abordado como um cachorro falante, e sua participação em filmes live-actions é feita por computação gráfica. Sim, sei que em um primeiro momento o Scooby ser um cachorro normal pode causar certa estranheza em alguns fãs, mas basta assistir os primeiros capítulos pra perceber que o Simba é um Scooby-Doo muito fofo! É justamente o fato do Scooby ser um cachorro normal que nos proporciona uma nova perspectiva sobre o personagem, e podemos ver como o cãozinho interage com a turma e rouba a cena, sem necessariamente precisar falar pra conseguir isso. <3

Um Crossover de Personagens HB
Quem não lembra dos clássicos Corrida Maluca e Tutubarão, que passavam nas manhãs do SBT? Esses desenhos marcaram uma geração! É claro que, com o tempo, e após inúmeras reprises, eles não se mantêm tão populares quanto outros desenhos clássicos como Scooby-Doo ou Tom e Jerry, por exemplo. Scooby-Doo! A Origem do Mal resgata alguns dos melhores personagens das séries HB, e faz um verdadeiro crossover com as diversas figuras icônicas desse universo.

Obviamente um trabalho de adaptação era necessário para apresentá-los a um novo público, e o resultado se mostrou bem satisfatório. Biff, Gillie, Mark, Tubarão, Penélope, Valerie, Debbie, todos eles se tornaram moradores da ilustre cidade de Baía Cristal. O encontro e toda interação entre eles renderam cenas bem divertidas. Quem ia imaginar que um dia a Thorn se encontraria com a Penélope Charmosa, ou Gillie seria amigo de Daphne Blake? Que crossover!


Os Capítulos
A série possui ao todo 5 capítulos, com uma metragem total de aproximadamente 1h30 minutos. A trama se inicia quando alguns dos moradores de Baía Cristal começam a desaparecer na Reserva Florestal, vítimas dos ataques de uma misteriosa figura local. A partir daí, como não poderia ser diferente, a turma começa a investigar.

As cenas possuem uma fotografia linda, e os diálogos funcionam bem, fluem com naturalidade. Com o lançamento do primeiro episódio, alguns fãs comentaram a respeito da dublagem da série. Apesar de ser uma produção brasileira, a série foi dublada, em sua maioria pelos próprios atores. Esse é um recurso comum em produções audiovisuais, inclusive em filmes americanos, onde todas as cenas são gravadas e, posteriormente, dubladas em um estúdio, visando uma melhor qualidade de áudio. Alguns personagens foram dublados por outros atores, com o intuito de deixar as vozes mais próximas as do desenho, como foi o caso de Daphne e Fred, e o resultado ficou incrível!

A montagem e corte da série é bem eficiente, ou seja, em um capítulo temos um equilíbrio entre as cenas com membros da turma e com os demais personagens secundários, todos possuem um bom tempo de tela. Os dois primeiros capítulos funcionam como uma introdução, apresentando todos os personagens da websérie, e nos ambientando em Baía Cristal, com uma dinâmica bacana, sem ficar cansativo, visto que temos muitos personagens. Nesses momentos iniciais eu senti falta de mais cenas com toda a turma, eu amo ver esses garotos intrometidos reunidos! Mas a espera valeu a pena, o encontro no Malt Shop foi maravilhoso, muito nostálgico. É interessante como, no decorrer dos capítulos, temos todo aquele ar de suspense, como se todos em Baía Cristal escondessem algo, assumindo um tom bem característico de outras séries do Scooby. Ah, e se você, assim como eu, ama uma boa referência, Origem do Mal é um prato cheio! Tem cena da Velma na livraria, como em Ilha dos Zumbis, tem Daphne na Ilha Moonscar, Anjinha Dinamite na K-Zumba. As referências estão por toda parte.

"Meus óculos, eu não enxergo nada sem meus óculos!"
- Dinkley, Velma


O Desfecho

O mistério é bem intrigante e, a medida que assistimos os capítulos, vamos tentando montar o quebra-cabeça. As pistas começam a se encaixar a partir do quarto episódio, mas o capítulo final ainda nos traz muitas revelações. A pessoa por trás de tudo surpreende, pelo fato de que todas as teorias e palpites estavam sendo montados em torno de outros personagens, e não nos atentamos a alguns detalhes que fizeram toda a diferença na resolução do mistério. Felizmente a Velma estava atenta, se ligou em tudo! Ainda falando sobre o mistério, tem uma referência MUITO legal envolvendo o vilão no final. Acho que quem é fã de Scooby-Doo Mistério S/A vai gostar bastante!

As sequências de perseguição são as que se destacam. Quem não torceu pela Thorn naquela incrível cena de perseguição ao final do terceiro capítulo!? As cenas do último episódio são eletrizantes! Mesmo havendo alguém por trás da máscara, você sente que, ao encarar o mascarado, a turma de fato está em perigo real. É de tirar o fôlego! A trilha sonora que acompanha esses momentos, e toda a série num geral, foi muito bem escolhida. Ela consegue passar todo o clima de terror e mistério, ajudando a contar a história. E o resultado é maravilhoso! 

Scooby-Doo! A Origem do Mal cumpre o seu papel, se tornando uma série live-action divertida de assistir, é um ótimo entretenimento para os fãs da franquia, que vão se deliciar com toda a nostalgia e referências vindas direto do desenho. A produção empolga muito e ficamos com um gostinho de quero mais, doidos pra ver mais aventuras envolvendo Scooby-Doo e sua turma. Não deixe de conferir todo o trabalho, assistindo os capítulos no canal do Saho Studios. O último capítulo está imperdível! Clique AQUI para assistir! Ah, e claro, dá uma conferida no capítulo anterior, muito importante pra entender os acontecimentos da season finale. Clique AQUI para ver!

Por fim, comenta aí o que você achou da série! Cenas favoritas, personagens vilão, história... Deixe seu feedback! Até a próxima, guys! :D










Compartilhar no Google Plus
    Blogger Comment

2 comentários:

  1. Cara eu não achei lá as grandes coisas dessa web-série, mas curti muito a iniciativa e apoio outras temporadas

    ResponderExcluir
  2. Eu gostei muito mas não gostei da voz do salsicha mas a da daphne tava muito boa e eu recomendo o canal saho studios e muito bom mesmo.

    ResponderExcluir

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial